in

Doce de Laranja Amarga

É o mais britânico dos doces, atingindo a sua expressão mais refinada quando usado sobre torradas previamente barradas de manteiga, com chá. É muito fácil de fazer e muito difícil encontrar de boa qualidade à venda. O problema mais vulgar é o de arranjar verdadeiras laranjas amargas, que são as laranjas bravas.
O sítio onde será mais fácil encontrar é junto dos viveiristas de árvores, pois estas laranjeiras bravas são usadas como “cavalo” para os enxertos de laranjeiras doces. Outra possibilidade é nos pomares antigos abandonados, onde as laranjeiras e limoeiros morreram, tendo sobrevivido a parte da árvore brava, abaixo do enxerto.

Ingredientes:

  • 5 laranjas + 1 limão
  • sumo de 2 limões
  • 1 litro de água
  • 1 kg de açúcar

Preparação:

Laminar as laranjas e o limão, de preferência num laminador velho pois o ácido da laranja estraga as lâminas.

Toda o fruto é laminado em juliana fina, casca e polpa, à medida que vão surgindo os caroços, põe-se num copo com água.
Cobrir os frutos laminados com a água e deixar de 24 a 36 horas a macerar. Ao fim deste tempo a pectina que os caroços geram é tanta que a água que os cobre está com a consistência de uma cola e aguenta em pé uma colher.

Levar ao lume a fruta e água onde macerou, com a geleia que se formou no copo dos caroços e deixar cozer em lume baixo por 20minutos. .Juntar o açúcar e deixar ferver por cerca de 30 minutos em lume baixo, mexendo de modo a não deixar pegar, o que escureceria o aspeto cristalino final do doce.
Com as quantidades indicadas, o doce fica, após arrefecimento, duro como uma marmelada e pode ser cortado em fatias.
.Se quiser que fique mais “de colher”, use 1,5 l de água, 1,3kg de açúcar e não ponha o sumo dos 2 limões suplementares.

Nota: Laranja Amarga para culinária

A laranja amarga é um poderoso e refinado aromatizador para assados, estufados, purés, pastelaria, etc.
Para conseguir esta laranja amarga culinária faça exatamente como para o doce, reduzindo a água para metade e o açúcar para um terço. Guarde em pequenos boiões pois usa-se uma pequena quantidade de cada vez.

Fonte; https://outrascomidas.blogspot.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Iscas de Cebolada com Favas

Tiramisù de Limão. Uma receita deliciosa e fresca!